Este site usa cookies para melhorar a navegação. Ao navegar no website concorda com o seu uso. Para saber mais, leia a nossa Política de Cookies.

SÁBADO    por    Cofina Boost Content

Partilhe nas Redes Sociais

Em Monserrate, a noite tem outro encanto
Sintra

Em Monserrate, a noite tem outro encanto

Desfrute de uma visita noturna e privada ao Palácio de Monserrate, em Sintra, e aproveite ainda para dar um bonito passeio pelos seus jardins exuberantes.

É uma das mais belas criações arquitetónicas do Romantismo em Portugal! O Palácio de Monserrate, na misteriosa e bela cidade de Sintra, engalanou-se para receber todos quantos queiram participar, no próximo dia 2 de outubro, pelas 21h00, nesta bonita visita noturna e privada.

Retiro de escritores, Monserrate recebe numerosos viajantes estrangeiros, com claro destaque para os ingleses, que exaltam a sua beleza em relatos de viagens e belas gravuras, dando conta do gosto apurado de Francis Cook e do génio do arquiteto James Knowles Jr., que ali combinou diversas influências.

É em 1846, depois de inúmeros proprietários, histórias, recuperações e abandonos, que Francis Cook, um comerciante inglês e colecionador de arte, se torna o proprietário da Quinta de Monserrate e o 1º visconde de Monserrate. Este rico industrial do século XIX, e grande colecionador de arte, rendeu-se ao fascínio do espaço e ali mandou edificar um palácio que combina influências góticas, indianas e sugestões mouriscas. Os motivos exóticos e vegetalistas da decoração interior prolongam-se harmoniosamente no exterior, que também foi reformulado e transformado num dos mais belos jardins botânicos portugueses.

Mas a materialização do sonho de Francis Cook passou também pela profunda transformação dos seus exuberantes jardins – que deslumbram o visitante com espécies exóticas vindas dos quatro cantos do mundo. Assumindo-se como uma das mais belas criações paisagísticas do Romantismo em Portugal, o Parque de Monserrate conta com espécies organizadas por áreas geográficas, refletindo as diversas origens das plantas e compondo cenários ao longo de caminhos, por entre ruínas, recantos, lagos e cascatas.

A beleza dos jardins em muito se deve à intervenção do paisagista William Stockdale, do botânico William Neville e do mestre jardineiro James Burt, mas, acima de tudo, ao espírito romântico de Francis Cook. Também por isso, os visitantes podem encontrar neste espaço diversos cenários contrastantes que, ao longo de caminhos sinuosos e em convívio com espécies espontâneas da região, como os medronheiros de porte arbóreo ou azevinhos, coabitam em harmonia perfeita com araucárias, agaves e palmeiras, recriando um bonito cenário mexicano.

Se é Associado Montepio, aceite o nosso convite, calce os seus sapatos mais confortáveis e venha daí para uma inesquecível caminhada por entre corredores, jardins e muitos recantos secretos, de noite em Monserrate. Se ainda não é Associado Montepio, aqui tem mais uma razão para integrar esta Associação.

PodPoupar

PodPoupar+

Um podcast que ensina tudo sobre poupanças e finanças